A Gulfstream Aerospace cinfirmou a presença de seus três aviões durante a Labace, incluindo o recém-certificado G600, o jato de ultralongo alcance G650ER e supermédio. Atualmente o Brasil é o segundo maior mercado do fabricante na América latina, com 40 aeronaves em serviço.

A América Latina é considerada um dos principais mercados da Gulfstream, que possui aproximadamente 230 aeronaves com base na região, sendo que quase 70% são modelos de cabine grande, incluindo o G650ER, com destaque para o México e Venezuela, que contam com aproximadamente 100 e 25 aeronaves do fabricante, respectivamente. A expectativa é aproveitar a melhora no cenário econômico brasileiro e a melhora no desempenho econômico dos países da América do Sul.
“A frota da Gulfstream na América Latina cresceu dramaticamente desde a primeira Labace, em 2003”, disse Scott Neal, vice-presidente sênior de vendas mundiais da Gulfstream. A região apresentou crescimento de 25% na frota do fabricante desde 2014. A Labace é tratada como uma importante vitrine global para os produtos da Gulfstream, que tradicionalmente apresenta em São Paulo seus principais lançamentos, alinhados com os maiores eventos do mundo. “Estamos particularmente empolgados em ter o G600 em São Paulo pelo segundo ano consecutivo”, afirma Neal.

O recém certificado G600 estará pela segunda vez em São Paulo 

Recém certificado, o G600 é capaz de viajar sem escalas para os Estados Unidos e para a Europa a partir das principais cidades do Brasil, com velocidades de Mach 0,85 a Mach 0,90. O modelo recebeu seus certificados de tipo e produção da FAA em 28 de junho de 2019, devendo entrar em serviço nas próximas semanas. Um dos destaques do modelo é sua grande cabine, com três zonas e opção de chuveiro. Outra característica é o cockpit que está entre os mais avançados da indústria aeronáutica, contando com o primeiro overhead com funções sensíveis ao toque.

O mercado brasileiro continua sendo disputado pelos principais modelos de ultralongo alcance, em especial pelas dimensões continentais do país e a expansão internacional de empresas nacionais. O principal modelo da Gulfstream, o G650ER disputa o segmento oferecendo uma cabine com quatro zonas, incluindo uma ampla suíte com chuveiro, e a capacidade de voar a Mach 0.90 com alcance máximo de até 6.400 nm (11.853 km), sem escalas.

O G280 pode voar 3.600 nm (6.667 km) a Mach 0,80, permitindo decolar de São Paulo para qualquer cidade da América do Sul sem escalas, ou para os Estados Unidos e Europa com uma parada.

Mais informações em:
https://aeromagazine.uol.com.br/artigo/jatos-com-capacidade-de-voar-entre-sao-paulo-e-san-francisco-sem-escalas-sao-destaque-na-labace_4496.html​